3 PASSOS SIMPLES PARA NÃO SE COMPARAR COM OS OUTROS E ALCANÇAR A SUA FELICIDADE!

Motivaçãojan 11, 2018por

“Sua beleza era arte para aqueles que souberam amá-la e vandalismo para aqueles que não conseguiram”

Não, a minha beleza não está no padrão perfeição. Meu cabelo é bem crespo, minha pele é negra, minhas pernas são finas, minha barriga dobra, meu sorriso é torto.

E ainda assim, eu sorrio. E ainda assim, eu brilho.

Apesar de adorar tirar foto de comida (ei, olha meu Instagram), eu não consigo lembrar a última vez em que montei um prato realmente bonito só pra mim. Eu mal tenho ido à academia 3 vezes na semana. Nós jantamos pipoca no domingo passado.

A vida não é perfeita. De ninguém é. Coisas ruins, coisas chatas, imprevistos, acontecem com pessoas boas todos os dias.

Não é culpa de ninguém.

A dor e o desconforto são parte da vida. E sem a dor e o desconforto, não entenderíamos a verdadeira alegria.

Nós estamos nesse mundo para encorajar uns aos outros. Pra rasgar a máscara de perfeccionismo. Para admitir que somos seres falhos.

AS REDES SOCIAIS PODEM ESTAR SUGANDO SUA ALEGRIA…

Nas redes sociais, nós somos condicionados a só mostrar o lado bom da vida, o que na minha opinião está criando uma grande desconexão entre as pessoas.

A gente diz que não, mas lá no fundo, muitas vezes, a gente se compara. Com a cantora famosa, com o atleta olímpico, com a musa ou muso do Instagram.

O que deveríamos fazer quando isso acontece? Falar racionalmente com o nosso cérebro pra ele parar de ser tão irracional!

A beleza da atriz loira, magra e de olhos azuis não deveria me tornar automaticamente menos bela. Não deveria nem existir esse lance de padrão, porque simplesmente não existe padrão. Deveríamos todos sermos belos, do nosso jeitinho único.

A vida de ninguém é perfeita. E o fato de sermos honestos ao falar abertamente sobre as nossas lutas permite que outras pessoas se conectem conosco e se sintam livres e mais confiantes para lidar com suas lutas e suas imperfeições também.

Muitas fotos de antes e depois são clicadas no mesmo dia. Todas as fotos das revistas passam por photoshop. Outro dia eu vi esse TED onde uma modelo linda e bem sucedida fala do lado cruel da moda e sobre como, apesar das modelos terem corpos perfeitos, elas eram super inseguras com sua aparência. Por que? Porque precisavam se preocupar com isso todos os dias das suas vidas.

Quando você vê pessoas que aparentam ser realmente perfeitas…

Elas provavelmente tem um ou mais de um dos pontos abaixo:

  • Uma genética maravilhosa.
  • Tempo e dinheiro para investir em si mesmos: personal trainers, coachs, bons médicos e nutricionistas, marmitas prontas e entregues no conforto de seu lar, patrocínio de suplementos, mais horas disponíveis no dia pra se dedicar ao seu treino e dieta, tratamentos estéticos de vez em quando.
  • Plásticas, apliques, preenchimentos.
  • Uma boa maquiagem, uma boa camera, uma boa experiência no photoshop ou facetune.
  • Um TRABALHO que EXIGE boa aparência O TEMPO TODO.

De maneira nenhuma estou diminuindo as conquistas e os esforços dessas pessoas pra chegar onde chegaram. O meu ponto é – no jogo da comparação, sempre vai existir alguém mais magro, mais forte, mais jovem, mais criativo, mais rápido, mais bem sucedido que você. Até a gente aprender isso, nunca seremos verdadeiramente felizes em nossas peles.

Só que a gente não precisa jogar esse jogo.

Vamos parar de idealizar a vida de uma pessoa que a gente não tem NENHUMA ideia do que ela passou pra chegar aonde está. Nem ao menos sabemos se ela realmente está feliz e saudável (física e mentalmente). Nem ao menos sabemos se ela está realmente sendo honesta sobre a sua trajetória (vide a história daquela blogueira famosa).

Celebre o que você tem. E lembre-se que por mais que você treine, se alimente bem e estude bastante…

Você nunca poderá ser outra pessoa além de você mesmo.

Continue exigindo de si mesmo padrões impossíveis e você se sentirá cada vez mais triste, inferior e desapontado.

Agora, se o seu desejo é realmente buscar o que a vida tem de melhor pra VOCÊ, vem comigo:

1º PASSO: Inspire-se!

Se inspire naquela pessoa mais próxima de você e do seu estilo de vida! Aquela pessoa que tem um tipo de corpo parecido ou que esteja vivendo numa situação similar à sua – casada / com filhos / com muitos filhos / faculdade + trabalho / faculdade + trabalho + marido ou esposa + filhos / trabalho louco / doença na família, etc, etc, etc! Sabe como? Aprenda com eles!

  • Se você é uma mãe com um bebêzinho ainda pequeno e com planos de concluir seus estudos, nem tente copiar a dieta e os exercícios da musa fitness! Ao invés disso, busque conversar com mamães que conseguiram perder os quilinhos extras da gravidez em meio à loucura de trabalho, estudo e cuidados com o bebê.
  • Se você trabalha sentado 12 horas por dia, se espelhar na instrutora ou instrutor da academia, que tem um trabalho super ativo e flexível, só vai te desanimar.  Ao invés disso, pergunte ao seu amigo/amiga do trabalho como ele faz pra se organizar com a alimentação e treinos.
  • Se você está endividado/a, pouco vai te ajudar ficar acompanhando a vida da atriz ou do jogador de futebol que vive ganhando mimos e tem condições de comprar tudo. Busque histórias de pessoas que vieram de baixo e, com muito trabalho e planejamento, conquistaram a liberdade financeira.

Mas atenção, não se compare a essas pessoas! AI, AI, AI, VIU?  Somente aprenda e se inspire. Sabe por que?

Porque só existe uma pessoa nesse mundo com quem você pode realmente se comparar: uma versão antiga de si mesmo.

2º passo: seja melhor que você mesmo.

Hoje você pode ser uma pessoa melhor do que foi ontem?

Não se preocupe com o que os outros estão fazendo. Ou quantos quilos eles perderam, ou quão perfeita a vida deles parece ser. Isso é uma imagem distorcida que a sua cabeça cria, um padrão inalcançável. Sua vida é diferente. Você é diferente.

Ao invés disso, pergunte a si mesmo:

O que eu posso fazer hoje pra ser mais saudável e feliz do que eu fui ontem?

Vamos parar de focar no que nós não temos e focar no que podemos mudar.

Eu sei que não é fácil. TODO MUNDO luta com sua própria imagem, inclusive eu.

Em novembro, eu comprei um caderninho, tipo uma agenda. Desde então, todos os dias de manhã, depois da minha oração, eu penso: o que eu mudaria em mim mesma no dia de ontem? O que eu poderia ter feito melhor? Como eu posso melhorar nesse aspecto? Daí eu escrevo essa coisa. Apenas uma coisa. E assim, vou buscando melhorar a cada dia.

Se ontem eu disse que não tinha tempo pra academia, mas fiquei 1 hora no facebook, hoje eu sei que afinal, eu tenho tempo.

Se ontem eu não planejei o meu trabalho e por falta de organização, não pude fazer nem metade do que deveria, hoje a minha prioridade é sentar e me planejar antes de tudo.

Se ontem eu briguei com meu marido/esposa por besteira e isso arruinou nosso dia, hoje eu vou buscar priorizar a nossa felicidade ao meu orgulho.

Se ontem eu não plantei e hoje não colhi… Então é hoje o dia de plantar!

3º passo: AGRADEÇA!

ESSE É O PASSO MAIS IMPORTANTE DE TODOS.

Pelo que eu sou grato em minha vida? Gente, acredita em mim, essa pergunta é poderosa e você deveria fazê-la todos os dias!

Quando você enxerga que a beleza em sua vida é muito mais do que um número: na balança ou na conta bancaria, o seu mundo se expande.

E eu te prometo que se você começar a se amar e enxergar o quanto a SUA vida e o SEU corpo são um presente de Deus, você vai se cuidar, você vai se resguardar e você vai se respeitar. Você vai querer se presentear com o melhor em termos de autocuidado e saúde. Você vai comer melhor, estudar mais, trabalhar mais e se exercitar mais, não porque você se odeia. Mas porque você se ama. 

Olha só, eu comecei a escrever 3 coisas pelas quais sou grata todos os dias. Comecei em novembro, no mesmo caderninho. Que diferença isso fez na minha vida! Me fez enxergar o que é realmente importante pra mim.

Me fez entender que tudo bem meu prato não ser bonito, tudo bem eu não me encaixar no padrão, tudo bem não ter a mesma frequência na academia e tudo bem jantar pipoca de vez em quando. Porque eu estou gastando o meu tempo com o que realmente importa.

Eu estou buscando ser melhor do que ontem.

Então eu te proponho o seguinte. Ao invés de nos comparar, nós vamos seguir esses 3 passos simples, ok?

  1. Nos inspirar e aprender com pessoas mais acessíveis e com a trajetória parecida com a nossa.
  2. Nos comparar SOMENTE com a nossa versão antiga de nós mesmos – reconhecer nossas falhas e nos perguntar: que pequena ou grande mudança você pode começar hoje pra ser mais feliz e saudável?
  3. Sermos gratos pelas coisas que nós temos.

Vamos celebrar nossas diferenças. Vamos ser humildes e honestos ao compartilhar nossa verdadeira história e encorajar uns aos outros.

Porque quando a gente para de competir, deixamos de lado nossas inseguranças e simplesmente aceitamos a maneira como Deus nos criou: belos, falhos e únicos… E só aí começamos a realmente modificar o precisamos melhorar e desenvolver o que nós temos de melhor.

“Quando você não compara, toda a inferioridade e superioridade desaparecem. Você é o que é e simplesmente existe. Um pequeno arbusto ou uma grande e alta árvore, não importa, você é você mesmo.
Uma folhinha da relva é tão necessária quanto a maior das estrelas. O canto de um pássaro é tão necessário quanto qualquer Buda, pois o mundo será menos rico se este canto desaparecer. Simplesmente olhe à sua volta. Tudo é necessário e tudo se encaixa. É uma unidade orgânica: ninguém é mais alto ou mais baixo, ninguém é superior ou inferior. Cada um é incomparavelmente único. Você é necessário e basta. Na Natureza, tamanho não é diferença. Tudo é expressão igual de vida!”

Autor Desconhecido

Agora me conta: você já usa alguma dessas técnicas? Que impacto teve na sua vida? Além disso, você conhece alguma outra tática legal para acabar de vez esse lance de comparação? Amo vocês! ❤

3 passos simples para não se comparar com os outros e alcançar a sua felicidade: Continue exigindo de si mesmo padrões impossíveis e você se sentirá cada vez mais triste, inferior e desapontado. Agora, se o seu desejo é realmente buscar o que a vida tem de melhor pra VOCÊ, vem comigo!

Veja também esses relacionados

Comente via Facebook

Deixe seu comentário